Poesia · Poetry

Jubilosa Paz

Lirio da Paz

A paz no mundo é possível sim.
Desde que primeiramente,
Conscientemente,
Cuidemos do jardim
Que habita no nosso interior,
Deixando brotar no coração,
O lírio branco do amor.

Exalar sentimentos nobres,
Como compreensão… Perdão…
Gratidão… Independentemente de cor,
Raça, credo, religião.
Dar as mãos… Abraçar nossos irmãos…
Doar… Cooperar… Compartilhar.

Para construirmos um mundo de paz,
Sem guerras e conflitos,
A paz deve florescer realmente do
Do intimo de cada um, de dentro para fora.

Assim ela deixará de ser uma simples
E leve brisa passageira,
Ultrapassando a efemeridade,
Tornando-se eterna realidade…
A tão doce e jubilosa Paz.

Elias Akhenaton.
Embaixador Universal da Paz.
Cercle Universel des Ambassadeurs de La Paix
Suisse/France.