Poesia · Poetry

Floresta Amazônica

floresta amazonica

Floresta Amazônica! És grandiosa,
Repleta de mistérios e belezas…
O pulmão do mundo, oh deusa frondosa!
Com diversidades vivas em tua natureza.

Ouvir o som harmonioso dos pássaros,
Ecoando de tua mata verde, é acalanto
Em momentos, singelos e claros,
Que nos inspiram com o seu canto.

As espécies de animais existentes
Em tua fauna, cachoeiras e cascatas,
São indeléveis em nossas mentes,
Entes dependentes de tuas matas.

Entretanto, nem tudo é alegria!
A depredação tem sido frequente
Pela mão do homem no dia a dia,
Desmatando tuas matas, infelizmente.

O predador homem, sem consciência,
Não mede esforços em derrubá-la.
Colocando em risco sua existência
E das gerações futuras, em vivenciá-la.

Com isso, aceleram a extinção
Dos animais, que são obrigados
A deixarem seus abrigos, pela violação
Dos seus santuários, tão sagrados…

Os que sobrevivem, são negociados
Impunemente no comércio ilegal.
Até mesmo plantas, vegetais apreciados,
São retirados do meio ambiental.

Levantemos a bandeira da preservação,
Ainda há esperanças, vamos nos unir,
Compartilhando força, em perfeita união,
Caso contrário, a floresta irá sucumbir…

Sucumbindo, iremos sentir; já estamos
Sentindo os efeitos desta depredação.
Dar às mãos, é necessário, vamos
Fazer nossa parte, com conscientização.

Elias Akhenaton

“É triste pensar que a natureza fala e
que o gênero humano não a ouve.” – Victor Hugo.