O beija-flor no outono

Colibri serrirostris

É manhã d’outono. O beija-flor; no galho,
Parado, chora com saudade da sua flor.
Voam folhas secas do pé de carvalho
Que caem, doirando o chão, d’única cor.

Oh passarinho, não chores! É o trabalho
Da natureza, do Arquiteto Deus criador.
Contempla a alegria do divino orvalho,
Que vem serenando, em graça e amor.

Encontrarás tua flor, em outra estação,
Porque esta mudança, logo vai passar.
Deus é perfeito, o ciclo é de renovação.

Vai, voa com força e fé em teu coração,
Bate tuas asas em teu trepidante bailar
E enxuga o pranto em tua doce canção!

Elias Akhenaton

outono5

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Lala Vilela

A blog about travel & food. Welcome! Um blog sobre viagens & comida. Sejam bem-vindos!

Aldry Suzuki

Seja Feliz Como Eu Sou Amém

Portas Abertas

Ivy Cassa: Uma advogada que resolveu virar escritora nas horas vagas para contar o que é ser mulher de 30 e poucos anos no século XXI

私の天の川

Sinto e existo

leaf and twig

where observation and imagination meet nature in poetry

2 Quote A Flower

Inspirational Flowers

Kacosmic

Youniverse

Histórias Misturadas.

histórias, literatura, gente, lembranças, tradições, crenças

Yes, Loucas!!!

De Tudo um Pouco Você Encontra aqui!!!

Toda Unanimidade

Leia antes que o MBL censure

O tempo tem Histórias

Quero vos contar quem sou e porque sou...

garotadamoda.blog

Vem cá convesar comigo sobre a vida, moda, dicas. Só vem :)

Gira Mundo

Dicas de viagem e Roteiros Personalizados

paratodosinclusao.wordpress.com/

Por um mundo onde ninguém fica pra trás

Meu Mundo

Seja bem vind@ ao Meu Mundo.

pra quando você acordar

por Bettina Bopp

Pupa De lagarta a borboletas

Aceitando as transformações da vida a cada novo ciclo, me transformando na melhor versão de mim mesma

%d blogueiros gostam disto: